Дървен материал от www.emsien3.com

The best bookmaker bet365

The best bookmaker bet365

Terceira Marcha dos povos indígenas de Roraima " salve o nosso território, nossa mãe terra" celebra o Dia Internacional dos Povos Indígenas

Terceira Marcha dos povos indígenas de Roraima " salve o nosso território, nossa mãe terra" celebra o  Dia Internacional dos Povos Indígenas

Em mais um ato coletivo de conquistas e reivindicações de direitos, povos indígenas de todo o Brasil celebram no próximo dia 9 de agosto, o Dia Internacional dos Povos Indígenas. Por esse motivo, em Roraima, será realizada nesta sexta-feira, 8 de agosto, a III Marcha dos Povos Indígenas com o tema " salve o nosso território, nossa mãe terra". A concentração do movimento ocorrerá, a partir das 7h, no Memorial Ovelário Tames, localizado na praça central da capital roraimense, Boa Vista.

Esse ano, a Marcha trás para as ruas de Boa Vista, a visibilidade da organização social dos povos indígenas de Roraima, através da atuação das organizações indígenas nos diversos contextos tais como, político, territorial, saúde, educação, sustentabilidade, autonomia e outros que somam a bandeira de luta do movimento indígena local, bem como o repúdio as graves ameaças aos direitos dos povos indígenas, principalmente, direitos territoriais em todo o Brasil. A Marcha segue também, as mobilizações regionais que ocorrerão no mesmo dia nos diversos estados do país.

De acordo com a programação, às 7h, haverá o café coletivo, e em seguida a recepção dos participantes com músicas e danças tradicionais. Às 9h, a abertura do evento com a leitura da Carta da III Marcha dos Povos Indígenas de Roraima e pronunciamento das organizações indígenas. A Carta irá apresentar demandas referentes aos direitos indígenas, mineração e hidrelétricas em terras indígenas, saúde e educação, desenvolvimento e sustentabilidade.

A Macha, um ato pacífico que vem ocorrendo a três anos em Roraima, percorrerá a partir das 9h30 as principais vias do centro da cidade, com retorno à praça, ao meio dia. Às 14h, a continuidade da caminhada para a entrega de documentos nos principais órgãos públicos locais.  O encerramento, no mesmo local de concentração, está previsto para as 17h.    

Participam do movimento, comunidades indígenas, representantes de organizações indígenas, movimentos sociais e demais entidades parceiras da causa indígena. A expectativa é reunir mais de 800 participantes.

Mobilizações regionais - A realização das mobilizações regionais é um dos encaminhamentos da Mobilização Nacional Indígena, realizada no mês de maio desse ano, em Brasília, pela Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB) em parceria com entidades indigenistas, onde reuniu mais de 800 indígenas de várias regiões do Brasil, que decidiram coletivamente dar continuidade as mobilizações, de acordo com a realidade de cada povo e região.

 

voltar ao topo